Mapas Estratégicos

A resposta pode ser obtida colocando-se na posição de um general que tenha como missão conduzir suas tropas a um território estrangeiro. Nesse caso o general utiliza-se de mapas detalhados, mostrando a importância das cidades, cursos d´água, pontes e estruturas, estradas e rodovias, etc. Sem essas informações a comunicação da estratégia da campanha aos oficiais e demais militares envolvidos seria difícil.

Mapa Estratégico: O modelo simples de criação de valor
Mapa Estratégico: O modelo simples de criação de valor

O Mapa Estratégico é uma representação visual da estratégia traçada no planejamento estratégico, de forma clara e detalhada. O documento auxilia na comunicação da estratégia e no entendimento comum da organização.

A composição do Mapa Estratégico auxilia a empresa a traçar o melhor caminho para atingir os objetivos de curto, médio e longo prazo. Com essa poderosa ferramenta de gestão, é possível alinhar todos os funcionários e suas metas pessoais às metas da organização. Dessa forma, todos podem entender como suas atividades contribuem para que a empresa em que trabalham atinja seus objetivos.

Mas, é importante ter em mente que o documento não representa um organograma. Sua função é mais abrangente do que um gráfico que representa a estrutura organizacional. Ele contempla as propostas sugeridas, discutidas e originadas durante as várias reuniões de planejamento. Logo, é algo pensado e elaborado para dar forma, narrar, visualizar, comunicar e alinhar os participantes da organização em torno da estratégia corporativa, levando em conta todos os seus pontos fortes e aqueles que ainda precisam de mais atenção e investimento.

Entenda o mapa

A primeira dica é: não tente achar uma maneira correta de ler o documento. A leitura do Mapa Estratégico pode ser feita em qualquer sentido e não existe ordem hierárquica (de importância) entre os campos, embora existam relações de causa e efeito entre os objetivos estratégicos.

Relação de causa e efeito
Relação de causa e efeito

O Mapa Estratégico é formado por quatro perspectivas: Financeira, Mercado (ou Clientes), Processos Internos e Recursos (ou Aprendizado e Crescimento). Na prática, essas perspectivas servem como um caminho para que as organizações alcancem seus objetivos. Por exemplo: uma determinada empresa precisa providenciar alguns recursos (pessoas, infraestrutura e tecnologia) para que, assim, consiga melhorar seus processos internos e se destacar no mercado.

Como consequência, essas ações impactam nos resultados da mesma. Afinal, uma empresa que funciona com mais estrutura e organização, consegue produzir melhor e, claro, conquista mais clientes. Como resultado: liderança no mercado e mais recursos financeiros.

Perspectivas do mapa estratégico
Perspectivas do mapa estratégico

Embora pareça um “bicho de sete cabeças”, o Mapa Estratégico é apenas um esboço do que as empresas pretendem fazer para conseguirem se destacar no mercado e proporcionarem um ambiente cada vez melhor para quem faz parte dela.